domingo, 6 de novembro de 2011

01/11/2011 >> CACEHC mostra o céu para os alunos e professora do PDE que estavam estudando Astronomia

Nessa data o Clube de Astronomia ofereceu uma observação das 19:30' às 21:30' aos alunos da
Escola Estadual Antônio Schiebel: os alunos estavam acompanhados pela professora PDE Eliani, diretora Mariluci e pais.
Pelo CACEHC estava o prof. José Marcos acompanhado pela equipe científica: Diogo, Luiz Eduardo, Paula e Gabriele. Na oportunidade ocorreu a inauguração da mais nova aquisição do clube, o Mak90EQ1.
A observação iniciou com a fala do presidente do CACEHC (José Marcos), fazendo uma breve abordagem sobre o clube e os equipamentos, na sequência, com os telescópis já colimados iniciou-se a observação dos Planetas vênus, Mercúrio e Júpiter e da Lua em sua fase crescente.































Diogo já conseguiu operarar o Mak logo na primeira observação. Está apontando para leste (Júpiter).

















Luiz Eduardo estava com o Newtoniano Refletor de 200 mm apontando para oeste, em momentos mostrando Vênus, em outros Mercúrio.
























Enquanto os meninos fazem os devidos ajustes, a galera aguardada na fila para observação.



















O local da observação foi o Estádio Municipal, devido a claridade não conseguimos visualizar a Galáxia de Andrômeda, nebulosas e aglomerados de estrelas.

domingo, 5 de junho de 2011

Vídeo: Chegada do homem na Lua

video

Vídeo: Primeiro homem no espaço

video

Cobertura da observação do eclípse de 15/06/2011

A observação durou mais ou menos 50 minutos, esse foi o momento em que a Lua estava com uma pequena parte encoberta, ou seja, estava saindo da umbra.
















Eclípse total da Lua de 15 de junho de 2011

CACEHC APRESENTA MAIS UM EVENTO ASTRONÔMICO ATRAVÉS DO PROJETO ASTRONOMIA NA PRAÇA

ECLÍPSE LUNAR: Quando Ocorre?

Um eclipse lunar ocorre quando a Lua entra na sombra da Terra. A distância da Lua em relação a Terra é de 384 mil km, a sombra da Terra se estende por 1,4 milhões de km, sua largura cobre aproximadamente 3 luas cheias. Em contraste com um eclipse do Sol, que só é visível em uma pequena região da Terra, um eclipse da Lua é visível por todos que possam ver a Lua. Como um eclipse da Lua pode ser visto, se o clima permitir, de todo a parte noturna da Terra, eclipses da Lua são muito mais freqüentes que eclipses do Sol, de um dado local na Terra. A duração máxima de um eclipse lunar é 3,8 hr, e a duração da fase total é sempre menor que 1,7 hr.
O plano da órbita da Lua está inclinado 5,2 ° em relação ao plano da órbita da Terra. Portanto só ocorrem eclipses quando a Lua está na fase de Lua Cheia ou Nova, e quando o Sol está sobre a linha dos nodos, que é a linha de intersecção do plano da órbita da Terra em torno do Sol com o plano da órbita da Lua em torno da Terra.

ECLIPSE TOTAL DA LUA - 15 de junho de 2011

Será o único Eclipse Lunar que poderemos observar em 2011. Será visível a segunda parte do eclipse quando a Lua estará nascendo. O diferencial é que o eclipse ocorrerá próximo ao dia do solstício de inverno (21 de junho) sendo recomendada a observação na Praça central de Santo Antonio do Sudoeste.

Evento Hora Local
Lua entra na Penumbra 14:22
Lua entra na Umbra 15:22
Início da totalidade 16:21
Maximo do Eclipse 17:12
Nascer da Lua 17:23
Fim da totalidade 18:02
Lua sai da Umbra 19:02
Lua sai da Penumbra 20:02
Magnitude do Eclipse Umbral = 1.705 (170% da Lua ficará coberta)
Duração da totalidade : 1h 40m 52s
Duração da fase umbral : 3h 39m 58s
Duração completa : 5h 39m 10s (incluindo instantes penumbrais)

Acompanhe a observação do eclipse com o Clube de Astronomia do Colégio Estadual Humberto de Campos (CACEHC).

ECLIPSE LUNAR TOTAL de 15 de junho de 2011 (quarta-feira)

Observador : CACEHC
Local de observação: Santo Antonio do Sudoeste
Latitude: 26º 04' 37" S Longitude: 53º 43' 37" W Altitude: 536 m
Instrumentos usados:
Telescópio Newtoniano 200mm
Modelo: Newtoniano de 200mm F/D6,25
Oculares que serão utilizadas: 30 mm e Barlow 2x
Binóculo Órion 10 x 50

Hora de início da Observação: 18:30’
Local: Praça central de Santo Antonio do Sudoeste